Imprimir

SIA SANTA comemorando 48 Anos Formando Plateias em 2021

Mobile Devices

Comemorando 48 anos formando plateias, a Sia Santa está resistindo bravamente aos efeitos perversos provocados pela Pandemia Covid-19.

A Sia Santa continua circulando pelo Brasil com diversos projetos culturais de formação de plateias, como: Projeto Árvore da Vida, Projeto Ser Tão Caipira no Aniversário da Cidade, O Gato de Botas no Aniversário da Cidade, Meu Pequeno Príncipe, Projeto Sia Santa Conta Charles Perrault e se prepara para o Projeto PEDRO E O LOBO - Produção e Circulação, com recursos do PROAC-ICMS-SP, LEIC-MG e da Lei Rouanet, com patrocínio das empresas: FMC, SELMI, HARALD, BROTO LEGAL, STECK, MIRACEMA, POLAR e CELLIER, entre outras, que já demonstraram interesse nessa saudável parceria. A FMC também patrocina a circulação do espetáculo Árvore da Vida por 14 cidades do estado das Minas Gerais, com recursos da Lei Estadual de Incentivo à Cultura. De 2014 a 2020, a Sia Santa exibiu na região metropolitana de Campinas: 'Ser Tão Caipira', 'Festival de Teatro Infantil Sia Santa 40 anos'; Projeto Circulação de Espetáculos Infantis - Teatro Sia Santa; Projeto Teatro para Todos - A Dramaturgia em Cena e o Projeto SIA SANTA CONTA CHARLES PERRAULT, formando plateias de crianças, jovens, adultos e até melhor idade com atrações de qualidade, com recursos incentivados do PROAC-ICMS do Governo de São Paulo, sob o patrocínio da SELMI, KUKA, HARALD, BROTO LEGAL, MIRACEMA, POLAR, CELLIER e STECK. São empresas que acreditaram na seriedade das ações culturais feitas sempre em parceria com as Secretarias Municipais da Educação e Cultura das cidades beneficiadas nesta nobre missão. Venha fazer parte dessas conquistas e junte-se a nós. 

Patrocine a SIA SANTA através dos incentivos fiscais permitidos pela legislação de incentivo à cultura. Isso merece aplausos. Em 2020, a SIA SANTA encerrou o Projeto Meu Pequeno Príncipe, aprovado na Lei Rouanet com patrocínio da HARALD em Barueri-SP, Maringá-PR e Rolândia-PR e ainda executou a programação no Ponto de Cultura Sia Santa (Convênio MinC e Prefeitura de Campinas). A Pandemia Covid-19 interrompeu as atividades, lamentavelmente, obrigando o coletivo, desde 15/03/20, a buscar alternativas de financiamento e recursos emergenciais através da Lei de Emergência Cultural: a Lei Aldir Blanc (LAB) na esfera estadual (SP) e municipal (Campinas), além dos Editais do PROAC-SP, visando ao menos manter a sobrevivência do coletivo, que vem resistindo bravamente, na esperança de obter amparo e recursos para manter acesa a chama teatral, que sobretudo agora, é a VACINA da ALMA!